PASTOR JACOB FAZENDO ATENDIMENTO ESPIRITUAL

As melhores fotos da IURD, dos bispos e pastores, você só encontra aqui no Blog Universo Universal!!!

Tem alguma foto da IURD e deseja compartilhar conosoco? Envie para: universouniversal@msn.com

pastor-jacob-atendimento-espiritual-iurd

Pastor Jacob em 1991 – Fotos antigas da IURD

 

1991

As melhores fotos da IURD, dos bispos e pastores, você só encontra aqui no Blog Universo Universal!!!

Tem alguma foto da IURD e deseja compartilhar conosoco? Envie para: universouniversal@msn.com

Pastor da IGREJA UNIVERSAL morre pregando na NOITE DA SALVAÇÃO

Carta para o Pastor Cansado

RECEBI ESSE EMAIL E QUERO COMPARTILHAR COM VOCÊS:

Todos os dias algum líder se cansa e acaba desistindo de tudo, deixando para trás sonhos, planos, realizações, liderados, experiências, motivações. Quando isso acontece, todos saem perdendo. Os liderados, a família, a sociedade e o próprio líder.

Este e-mail é inspirado em um e-mail real escrito a um colega cansado e com vontade de desistir. O reescrevo com o desejo de encorajar a outros líderes que porventura estejam vivenciando um tempo de crise e cansaço:

Prezado colega, escrevo-lhe porque reconheço que sua vida é preciosa, sua missão especial e seu chamado, único. Sei que há momentos em que a situação se torna quase insustentável, e ao olhá-la de frente não enxergamos nenhuma saída, e a única porta que nos parece aberta é a que nos leva ao caminho da desistência.

Talvez esta seja a última mensagem que você leia antes de entregar tudo e se retirar. Mas leia com atenção, pois ela também pode ser o marco do reinício e o toque para um recomeço em sua jornada como líder.

Antes de continuar quero te lembrar que não sou melhor do que você, o que lhe escrevo aplico antes a mim mesmo, pois muitas vezes também já pensei em desistir. Esta mensagem não vem de alguém que te olha de cima para baixo, mas de alguém que está a teu lado, ombro a ombro lutando o mesmo combate, buscando fazer a vontade daquele que nos convocou a liderar o seu povo.

Se você me permite, quero compartilhar com você alguns conselhos muito simples, que certamente você já sabe. Mas são verdades que me ajudam e espero possam ajudá-lo  a vencer este cansaço e este intenso desejo de desistir. Com humildade, aí vão eles:

1-Não exija demais de si mesmo, você é apenas um ser humano normal.
Você não é uma máquina de liderar, você é apenas um ser humano normal cheio de ambigüidades, limitações e virtudes. Mantenha altos padrões pessoais, mas padrões realistas. Não se superestime nem se subestime. Lembre-se que ter fraquezas e crises apenas mostra que você é humano e isso não é demérito, pois você não é um super-homem. Você foi feito do barro tocado por Deus.

2-Não fique se comparando com os outros ou com os “resultados” que vê em outros ministérios – as aparências enganam e só Deus conhece a verdade total dos fatos.
Você é único, não existe outro você. Não se iluda com números ou notícias alvissareiras. Por trás de todo sucesso verdadeiro há muita luta. A glória vem depois da cruz.

3-Nunca carregue o  fardo sozinho, procure apoio sempre.
Nunca se isole de outros companheiros sinceros. Nós precisamos da ajuda uns dos outros. Quanto mais sozinhos ficarmos, mais difícil será encarar os desafios da vida. Deus criou uma grande família para você porque ele faz com que os solitários vivam em família.

4-Por maior que seja a visão, ela sempre parte de pequenos passos, de um passo de cada vez.
A visão que você tem parece distante, talvez esteja mesmo, mas lembre-se que uma visão, por maior ou menor que seja, sempre se alcança a partir de pequenos passos que somados ao final completarão o grande quadro a ser alcançado. Dê um passo de cada vez, caminhe dia-a-dia, não tente dar um pique de 100 metros se a corrida na verdade é uma maratona. Não ignore os pequenos começos.

5-Trate bem da saúde.
Cuidar da saúde não é incredulidade, ao contrário, é sabedoria. Coma bem, descanse, pratique exercícios, vá ao médico regularmente. Não espere aparecer sintomas doentios, não espere surgir um tique nervoso para dar um tempo. Sempre que for preciso, diminua o ritmo para poder ir mais longe. Há tempo para todo propósito debaixo do céu.

6-Viva um dia de cada vez, você tem um futuro pela frente.
Não se deixe dominar pelas ansiedades do amanhã. Planeje o futuro sem deixar o futuro dominar você. Lembre-se que sem presente não haverá amanhã. Portanto, tente viver um dia de cada vez, olhe para o amanhã mas viva o hoje. Suas meras preocupações não irão mudar nenhuma situação futura.

7-Valorize seus pontos os fortes e trabalhe os pontos fracos, todos têm isso.
Você tem muitos pontos fortes. Valorize-os, tenha consciência deles, você já tem realizado muita coisa boa na vida. Estes pontos são seus, fazem parte de sua personalidade, são frutos da graça divina em sua vida. Com relação aos pontos fracos, reconheça-os e busque com equilíbrio e bom senso melhorá-los, mas sem fazer disso uma doença. Todos nós estamos crescendo como pessoas na vida, você ainda não está completo, ninguém está.

8-Nunca se esqueça que Deus sempre usa os fracos para a sua glória.
Ao se quebrantar você está se identificando com todos os servos que o Senhor  realmente usou. Deus não pode derramar a sua graça e glória em vasos cheios de si mesmos. Por isso, ele nos esvazia para poder nos encher do que há de melhor.
Este tempo de cansaço, quebrantamento e vontade de desistir pode ser a véspera de algo grande que o Senhor irá fazer em sua vida. Ele é especialista em nos surpreender e usar aqueles que estão quebrados em sua presença. Derrame-se diante dele – este é o melhor lugar para os cansados.

Concluindo, não se entregue, amado colega! Para tudo há uma saída. Erga a sua cabeça; há um horizonte a enxergar, há uma jornada a continuar, há um propósito a cumprir. O melhor de tudo é que Deus deseja ir com você e, se ele vai conosco, tudo é possível.

Um grande abraço.

Foto do Pastor Ivan com o Pastor Jacob

As melhores fotos da IURD, dos bispos e pastores, você só encontra aqui no Blog Universo Universal!!!

Tem alguma foto da IURD e deseja compartilhar conosoco? Envie para: universouniversal@msn.com

CUNHADO DE PASTOR DA IURD TOMA 4 TIROS E SOBREVIVE

Veja o resultado dessas Orações realizadas constantemente na IURD em prol da Familia:

UM GAY PODE CHUTAR A SANTA?

O texto a seguir é de autoria de Jonas Silva, pastor da Igreja Batista Missionária Casa Forte, onde ele fala sobre a zombaria que os homossexuais fizeram aos “santos” da Igreja Católica e compara tal fato ao chute(?) que o Bispo Sérgio Von Helder deu na “santa”. Confira o texto:
“Algumas coisas nunca saem de minha cabeça, e uma delas aconteceu no dia 13 de Outubro de 1995, me lembro bem, ao chegar da faculdade, cansado como sempre, liguei a televisão na TV Globo, mais especificamente no Jornal Nacional e me deparei com a notícia anunciada por Cid Moreira,que um Pastor da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), no dia anterior, 12 de Outubro, dia de Aparecida considerada pelos católicos a “padroeira do Brasil” em um programa da Rede Record, havia chutado a imagem da dita santa.
Diante do inusitado fato, como evangélico, embora vivendo a época tantos dilemas na minha fé, tive a impressão que realmente era só uma imagem. O Pastor na verdade é o bispo Sérgio von Helder, o episódio ficou conhecido como o “chute na santa”, onde o referido clérigo da IURD, pregando  contra a idolatria, bateu, de forma rompante, numa imagem da “santa” comprada por ele mesmo afim de provar que aquele objeto não passava de um ídolo de barro, proferindo sentenças do tipo: “não é Deus coisa nenhuma”, “será que Deus, o Criador do universo, pode ser comparado a um boneco desses, tão feio, tão horrível, tão desgraçado?”, “um pedaço inerte de gesso”?
A Igreja Católica, considerou o fato como ofensivo, e então, seguiu-se todo um alvoroço erigido pela mídia televisiva liderada pela Rede Globo, mais um capítulo da guerra Record x Rede Globo, desta feita revestido de piedade e de devoção aos ícones católicos.
O Bispo Von Helde foi indiciado na 27ª Delegacia de Polícia de São Paulo, acusado de vilipêndio a objeto de culto religioso (art. 208 do Código Penal) e estímulo ao preconceito religioso e posteriormente foi condenado, a dois anos e dois meses de prisão, apelando em liberdade por ser réu primário.
 Edir Macedo, na qualidade de líder supremo da IURD, foi obrigado a efetuar pronunciamentos oficiais sucessivas vezes nas redes de televisão e rádio, e como solução interna transferiu o Bispo Iconoclasta para fora do País.
 Todo este acontecido me veio à mente no último dia 27 de Junho, segunda feira, ao chegar a meu trabalho, ao ligar o computador e verificar que uma das principais notícias veiculadas na internet, foi o uso de imagens de santos católicos em situações homoeróticas pelos integrantes da passeata gay de São Paulo, ocorrida no dia anterior.
 Observo o fato com perplexidade, pois é notório, o silêncio da imprensa, a passividade da Igreja Católica, a condescendência do povo brasileiro e a desproporcionalidade  entre o tratamento dado ao Bispo Von Helder e os Gays deste Brasil, que vive uma verdadeira inversão de valores.
O fato, além de me deixar perplexo, está me levando realmente a acreditar que a PL 122, tem razão, ser gay neste país é realmente estar acima do bem e do mal. Pois, discutir idolatria no campo religioso, deu todo aquele estardalhaço em 1995, mas, vilipendiar ícones de devoção católica  zombando e os tornando afeminados, sob o pretexto de se fazer propaganda de cunho homossexual, vem sendo encarado com tanta passividade, pela maior nação católica do mundo.
Você leitor que me conhece, deve estar repetindo uma frase ditas tantas vezes por mim: dois erros jamais darão um acerto, pois finalmente, chutar a santa, e desrespeitar as opções sexuais  dos santos católicos são atitudes bem próximas, e de mesma tipificação no ordenamento jurídico brasileiro, contudo se for um gay acho que  pode se fazer as duas coisas.”

Pr. Jonas Silva

Missionária Casa Forte

10 sinais de quem está perdendo a Unção

1. Não tem prazer em evangelizar: Como é que a pessoa, sendo de Deus, não tem prazer em falar dele? Por vezes, podem existir sentimentos de vergonha e timidez, porque não domina a língua corretamente e pensa que não sabe fazer-se entender. Se a pessoa não vence estes sentimentos, prova que ela perdeu a unção.

2. Não tem prazer em atender as pessoas: São aqueles que foram chamados para servir o povo, mas não têm prazer de o ouvir, porque se sentem incapazes de dar o conselho que o povo precisa.

3. Não tem visão de ser usado grandiosamente: Todo o ungido tem o desejo de ser “usado grandiosamente”, o que não significa título ou posição, mas sim, dispor-se para servir conforme a necessidade que a Obra de Deus exige. Se perder a unção perde a visão, como foi o caso de Sansão, pois, apesar de ser forte fisicamente foi limitado por ter perdido a visão quando perdeu a unção, por se ter rendido às emoções.

4. Não tem revolta contra o diabo e os seus feitos: Estas pessoas mostram-se indiferentes e insensíveis ao sofrimento alheio e é quando o diabo deixa de ser inimigo. Para elas, é como se o diabo  tivesse se convertido ou as portas do inferno estivessem fechadas.

5. Tem medo de desafios: Para elas, o simples torna-se difícil, sempre dá desculpas pois não vê os desafios como oportunidades. Ela não se sente segura na batalha; mudança de Igreja, mais responsabilidades, novo idioma, distante da família e tem medo de sair da zona confortável.

6. Não se submete às autoridades: Sejam estas autoridades eclesiásticas ou não eclesiásticas. Se uma ordem é dada e caso não comprometa a minha fé em Cristo, devo obedecer.

7. O orgulho: Deus é humilde, a essência de Deus é a humildade e todos os seus servos são humildes. O orgulhoso só quer ensinar, mas o humilde quer praticar.

8. Passa a ter projetos pessoais: A pessoa fica preocupada com o seu futuro e da sua família. Ela quer sentir-se segura tendo bens, como uma casa, por exemplo. Nós passamos por lutas porque Deus tem que estar em evidência. Nós não temos nada mas, ao mesmo tempo, temos tudo, tudo o que é nosso é de Deus e o que é de Deus é nosso.

 9. Considera-se insubstituível: Ninguém é insubstituível, por mais que tenha habilidades, capacidades, condições, méritos, sempre existe alguém para substituí-la. Moisés foi substituído por Josué, Eli por Elias, Elias por Eliseu. Somente a unção é insubstituível.

10. Acha que merece ser reconhecido e bem remunerado: Ele acha que a Igreja tem que reconhecer o seu trabalho. Nunca está satisfeito e sempre fica à espera de méritos. Aqueles que esperam méritos dos homens não terão a recompensa de Deus. A unção não se impõe, mas revela-se.

Escritório de um Pastor da Igreja Universal

Católicos na Igreja Universal – IURD

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 1.644 outros seguidores