Aposentada recorreu ao presidente da República contra perseguição ao Bispo Edir Macedo

Durante os 35 anos de existência da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), muitos fatos marcantes ocorreram. Em 1992, quando o bispo Edir Macedo, líder e fundador da IURD, foi preso injustamente em São Paulo, diversos membros sofreram junto com o bispo as calúnias e difamações proferidas. A pensionista Julita Vianna Dultra, de 78 anos, lembra-se desse período turbulento enfrentado pela Igreja e seus fiéis.

Além da acusação indevida contra o bispo, os membros eram alvo frequente de acusações e chacotas. Indignada com a forma com que a prisão ocorreu, Julita enviou um telegrama para o então presidente do Brasil, Fernando Collor de Mello, declarando o seu descontentamento com a prisão injusta do líder da Igreja. “Entrei para a IURD em 1990, após uma vida inteira de sofrimento, e através das palavras de fé do bispo Macedo tive minha vida transformada. Com toda aquela injustiça, eu não poderia simplesmente cruzar meus braços. Eu sempre tive certeza da inocência dele”, declara.

Como uma boa militante da fé, Julita declara seu amor pela IURD. Ela conta que os maiores problemas enfrentados antes de chegar à Igreja eram relacionados ao esposo, falecido há 10 anos. “Ele tinha esquizofrenia paranoica, ataques epiléticos, depressão e era viciado em maconha e cocaína desde os 13 anos. Após anos de sofrimento, eu comecei a participar de correntes na Universal e meu marido me acompanhava. Por meio da fé, conquistamos um casamento feliz”, afirma.

Seu amor e carinho pela IURD e pelo bispo Edir Macedo são tão sinceros que Julita comprou um computador e recebeu aulas básicas de informática da filha e do neto para poder acessar diariamente o blog do bispo (www.bispomacedo.com.br) e a IURD TV (iurdtv.com). “Fico o dia inteiro conectada nas transmissões da IURD TV. Através desse canal, Deus tem abençoado a mim e a minha família. Sou eternamente grata à IURD por me apresentar a esse Deus tão maravilhoso!”, diz.

Fonte: Folha Universal

Demônio expulso pelo Facebook

Olá, querido bispo!

Queria comentar com o senhor um fato que ocorreu com minha irmã, que é esposa de pastor e está na luta no México. É um pouco longo, mas muito interessante.

Minha irmã atende uma garota de 14 anos, cuja mãe é “taróloga”, o pai é viciado em drogas e o irmão odeia a IURD. Essa garota sempre viu muitos demônios, 24 horas por dia, que não a deixavam dormir, estudar, comer e nem sequer beber água.

Quando a jovem manifestou na igreja, o diabo disse que a mataria de fome. Quando manifesta, ela fica consciente e ouve todos os planos do diabo. Minha irmã tem acompanhado o processo de libertação dela bem de perto.

À noite, quando fica atormentada no quarto, vendo demônios e sem poder dormir, a menina entra no chat do Facebook e chama minha irmã. Durante uma conversa, a menina começou a escrever coisas estranhas e minha irmã pensou que fosse o irmão dela no computador, mas não era isso…
Segue uma parte da conversa (a menina é Bibiana e Sandra é minha irmã):

Bibiana: – Me deixa em paz!

Sandra: – Você sempre é tão respeitosa comigo, por isso sei que não é você.

Bibiana: – Sou eu! Algum problema?

Sandra: – Não acredito, essa não é a Bibiana.

Bibiana: – Me deixa em paz!

Sandra: – Ok, para Bibiana sempre estarei de braços abertos, quando ela necessitar, estarei disponível para ajudá-la.

Bibiana: – Vá embora para longe, afaste-se dela!

Sandra: – Olha, pode me dizer quem é você, por favor? É o irmão dela? Juan Pablo?

Bibiana: – Ele foi viajar. Estou no corpo dela, adivinha quem sou eu? Legião, esse é o meu nome.

Sandra: – Então, maldita Legião, seja queimada agora, em nome de Jesus que te venceu. Sai dela agora!

Bibiana: – Nãoooooo!

Sandra: – É uma ordem, em nome de Jesus que te venceu na cruz, receba fogo, fogo, fogo que te consome.

Bibiana: – Graças a você e a sua maldita ajuda, em vez de 7, agora somos 3, eu te odeio!

Sandra: – Exércitos de Anjos do Deus Altíssimo, o Deus de Abraão, te arrancam dela agora, eu te odeio muito mais, maldito demônio, derrotado. Sai dela agora!

Bibiana: – Nãooo, ela é minha.

Sandra: – Sejam amarrados com o fogo de Deus e os anjos do meu Senhor arrancam vocês agora, em nome de Jesus. Sai dela, para nunca mais voltar!

Bibiana: – Eu não vou sair nunca, sua maldita, desgraçada. Te odeio! Quem é você para me dizer o que fazer?

Sandra: – Eu sou filha do Deus Altíssimo e ordeno, em nome de Jesus, que você saia dela agora! Você não é ninguém, seu maldito derrotado, vá agora para o lago de fogo!

Depois disso, a conversa cessou. Porém, passado um tempo, Bibiana chamou minha irmã pela câmera e contou que via suas mãos digitando aquilo tudo, sem que ela pudesse voltar a si e tomar o controle de seu corpo. Contou que o demônio voltou as mãos dela para o próprio pescoço e começou a apertar com muita força dizendo que iria matá-la.

Bibiana estava impotente e sozinha, sem poder fazer nada, sem controle de suas mãos e asfixiando a si própria, mas a ordem já havia sido dada e Bibiana ouviu claramente uma voz que disse: “Ela é minha, solte-a agora!”. Então Bibiana voltou a si e já não via mais nenhum demônio no quarto, estava aliviada, feliz. Chamou minha irmã, contou tudo, dormiu a noite toda e, no dia seguinte, estava buscando a Deus na IURD.

O testemunho desta jovem será muito grande e certamente ganhará muitas almas!
Independentemente do meio, o diabo tem que se sujeitar ao nome de Jesus!!

Firme na fé de Abraão,
Amiga

Fonte: Blog do Bispo Macedo

NOTA DO BLOG: Para quem achar que é mentira, que essas coisas não acontecem… Quero deixar o relato que já aconteceu isso comigo por 3 vezes no msn (leitores deste blog que manifestaram), e acompanhei um caso onde o rapaz manifestava e no chat ameaçava seus contatos. Fora as ameaças de uma pessoa que se supostamente estava possuida por um demônio e escrevia mensagens no youtube me ameaçando. O Poder do Evangelho contra as forças espirituais do mal é válido até mesmo no mundo virtual.

Foto do Casamento do Bispo Romualdo com a Dona Márcia – Igreja Universal IURD

As melhores fotos da IURD, dos bispos e pastores, você só encontra aqui no Blog Universo Universal!!!

Tem alguma foto da IURD e deseja compartilhar conosoco? Envie para: universouniversal@msn.com

Satisfação aos Eleitores da Presidente Dilma Rousseff

Depois de assistir ao vídeo e tomar conhecimento do conteúdo do kit anti-homofobia que seria entregue a escolas públicas do País pelo Ministério da Educação (MEC), a presidenta Dilma Rousseff decidiu, nesta quarta-feira (25), suspender a distribuição.

A decisão foi anunciada pelo ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência, após uma reunião com representantes do PRB (Partido Republicano Brasileiro) e da bancada evangélica na Câmara dos Deputados. O Secretário afirmou que a Presidenta Dilma assistiu aos vídeos e os reprovou. “A presidente viu e não gostou. Achou que não era propício, achou o material inadequado. Por isso, foi suspensa a produção desse material”, disse Carvalho.

O presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, participou de diversas reuniões no Palácio do Planalto no intuito de levar ao conhecimento da Presidência da República o movimento contra a distribuição do kit, que envolveu diversos setores da sociedade. Segundo ele, a decisão da presidenta de suspender a implantação do projeto do MEC foi imediata, logo após ter visto o conteúdo, que até então ela desconhecia. Ela teria tomado conhecimento do assunto através do jornalismo da Record.

Destacando que, assim como a bancada evangélica, o Governo é contra qualquer tipo de homofobia, o ministro afirmou: “Está suspensa toda a produção de material referente a este assunto.”

Desde antes do projeto ser lançado pelo MEC, a bancada evangélica trabalha na Câmara dos Deputados para suspendê-lo.

Fonte: Blog do Bispo Edir Macedo

Bispo Macedo dispara contra KIT GAY em seu blog

Segue abaixo um texto publicado no Blog do Bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, onde faz uma critica ao Kit Gay que será distribuido nas escolas publicas:

Imagine esta cena: Seu filho chega à escola para mais um dia de aprendizado, e, em plena sala de aula, a professora inicia uma nova lição que é debater um vídeo em que duas meninas lésbicas falam sobre como é bom ser homossexual. E mais: nos livros didáticos, a professora lê, com seu filho, histórias com famílias gays, histórias de homens e mulheres bissexuais, transexuais e travestis.

Acredite: é isto que pretendem fazer nas escolas públicas do Brasil, no segundo semestre deste ano. O Ministério da Educação quer distribuir vídeos e livros como esses em 6 mil escolas do País.

O absurdo é tão desmedido que fere a lógica. Agride qualquer pai. Agride nossa fé.

O que deveria servir para combater a discriminação vira propaganda explícita do homossexualismo.

Não tenho preconceito, pois eu mesmo já atendi a vários homossexuais na Igreja. Oramos por eles, aconselhamos e os auxiliamos com o mesmo zelo espiritual dedicado a qualquer outro sofrido que atravessa as portas dos Cenáculos do Espírito Santo.

A Palavra de Deus e a IURD nos ensinam que devemos aceitar o homossexual, mas nunca, jamais, o homossexualismo!

Meus filhos não vão virar gays! É meu, SOMENTE MEU, o direito de não desejar um filho gay! A Constituição me garante isto. Temos o direito de almejar para os nossos filhos o que entendemos como o melhor para o futuro deles. E, sob a luz da nossa fé, o caminho da felicidade passa pela construção de uma família com marido e esposa, isto é: homem e mulher.

Que o Espírito Santo toque em nossas autoridades, para que acabem com esta aberração. E que nosso grito de protesto chegue aos homens de Brasília.

Obreiro anônimo

21 DIAS EM JEJUM

Blog do Bispo Edir Macedo cresce em milhões de acessos

150

O aumento do número de blogs é constante. Estudos revelam que todos os dias surgem milhares de novos blogs. Chamados diários virtuais, eles ampliam as possibilidades de expressão. Vários deles no Brasil e no mundo recebem posts diariamente.

Um simples post pode causar uma grande polêmica, dependendo do assunto.

Com esta possibilidade, o bispo Edir Macedo criou o seu blog pessoal com o objetivo de esclarecer dúvidas do âmbito espiritual. Ele também fala sobre temas polêmicos como sexo, aborto, homossexualismo e sobre seus hobbys, como o de tirar fotos.

Hoje o blog do bispo Macedo recebe mensalmente mais de três milhões de visualizações e vem sendo comentado por sites como Folha de São Paulo, O Fuxico e AdNews, entre outros, por seus assuntos polêmicos. Atualmente, o blog do bispo pode ser lido em três idiomas: português, inglês e espanhol.

O bispo também esta no Twitter @BispoMacedo, onde também vem causando polêmica entre vários twitteiros e blogueiros famosos, a exemplo de Marcelo Tas. Apresentador de um programa de TV, Tas mantém um blog onde em um de seus posts comenta sobre o bispo Macedo no twitter: “Bispo Edir Macedo colocou, em silêncio, os pés nas águas do Twitter. O fundador e líder da Igreja Universal do Reino de Deus está, como sempre, antecipando os novos rumos da mídia. Acompanho a trajetória dele há um bom tempo. Em 1987, quando morava em Nova York, fui acordado em plena madrugada com o som da TV que havia esquecido ligada… Era o bispo iniciando a trajetória… num canal a cabo de baixíssima audiência do bairro do Queens. Hoje, a Universal, segundo fonte da própria igreja, está em 172 países com cerca de 15 milhões de fiéis.”, disse Marcelo Tas.

Abaixo você tem os links para acompanhar o bispo.

Twitter: http://twitter.com/BispoMacedo
Blog: http://www.bispomacedo.com.br/blog

Fonte: Conteudo

É Possível ser fiel no Casamento???

Eis a resposta:

Comentário de uma internauta no Blog do Bispo Edir Macedo

igreja universalSegue um comentário de uma internauta sobre o texto “Profecia”, publicado no blog do Bispo Edir Macedo:

Estou há 9 anos na IURD e pouquíssimas vezes ouvi os pastores falarem mal de outras igrejas. Também nunca vi o “materialismo fora do comum”. Mas, sempre que invento de visitar alguma outra igreja, ouço indiretas ou “diretas” vindas do púlpito contra a IURD. O que é uma grande perda de tempo, pois não fomos chamados para brigas internas.

Tenho muito temor em falar mal de alguma denominação, pois não quero me ver criticando um ungido do Senhor. Quem sou eu para julgar alguém? Só Deus conhece o coração dos homens. Então, é melhor pensar vinte vezes antes de “ameaçar” qualquer um com o “dia da prestação de contas”, como se isso coubesse a nós.

No texto Profecia, o bispo Edir Macedo não falou mal de outras igrejas, mas de uma determinada doutrina que tem devastado muitas vidas e atrasado tantas outras, independente de denominação.

Sou grata a Deus pela IURD. Nasci em uma igreja evangélica, onde tive formação cristã tradicional. Fiz gincana bíblica, sei versículos de cor, encontro qualquer livro na Bíblia em segundos, mas isso nunca me adiantou em nada, por isso, saí dela aos 12 anos. Passei a frequentar outra igreja, que tinha a postura de profetizar. Vi o que isso causa na vida das pessoas. Pelos frutos conhecemos a árvore, e os frutos nos mostram que isso não procede de Deus.

Aos 16 anos, voltei para a primeira igreja, onde nasci. Saí aos 20, destruída. Conheci a Deus, de verdade, na IURD. Por isso, digo: nunca fui tão estimulada a ler, entender e colocar a Bíblia em prática quanto na IURD. Tenho irmãos em outras denominações e sei do que estou falando. Não quero desrespeitar ninguém, mas a verdade é que muitas pessoas acabam perdendo o foco e vivendo uma religiosidade em qualquer denominação.

Ontem mesmo conversei com uma amiga que tentava me convencer de que era errado orar exprimindo certeza de algo que eu queria. Mas, como assim? Se Paulo diz que a fé é a certeza de coisas que se esperam e convicção de fatos que não se vêem? Ela falou que teria de saber primeiro qual era a vontade de Deus a respeito (disse isso para embasar sua crença de que nem todas as doenças são para cura). Então, eu falei que na Bíblia estava descrita a vontade de Deus para absolutamente tudo. É nossa regra de fé para qualquer circunstância.

Essa moça também cresceu em igreja evangélica e tem compromissos com a equipe de louvor de sua congregação. Fiquei estarrecida ao ver como essas coisas de profecias e revelações acabam engessando os crentes, fazendo com que a Bíblia não seja mais suficiente para eles. Eles têm a “necessidade” de outros mediadores entre Deus e os homens. Isso cria cristãos fracos, inseguros, inconstantes, infantis e derrotados, que não admitem possuir alguma responsabilidade a cumprir para que a vontade de Deus se manifeste.

Pagar o preço? De modo algum. É mais cômodo e fácil sentar e deixar o barco correndo à solta, buscando respostas em profecias.

A solução é simples: independente da denominação, o cristão deve buscar intimidade com Deus, através da leitura bíblica, da oração e busca do Espírito Santo. Além de manter uma vida reta diante de Deus, condizente com o que Ele determinou em Sua Palavra.

Infelizmente, muita gente prefere ficar agarrada ao que acreditou a vida inteira, ao invés de ouvir a Palavra de Deus, sem intermediários.

É assim que o diabo tenta atravancar o crescimento dos cristãos: pelo engano.

Não existe revelação maior do que a Palavra de Deus. E ela é suficiente.

Na fé.

Vanessa Lampert

Estou há 9 anos na IURD e pouquíssimas vezes ouvi os pastores falarem mal de outras igrejas. Também nunca vi o “materialismo fora do comum”. Mas, sempre que invento de visitar alguma outra igreja, ouço indiretas ou “diretas” vindas do púlpito contra a IURD. O que é uma grande perda de tempo, pois não fomos chamados para brigas internas.

Tenho muito temor em falar mal de alguma denominação, pois não quero me ver criticando um ungido do Senhor. Quem sou eu para julgar alguém? Só Deus conhece o coração dos homens. Então, é melhor pensar vinte vezes antes de “ameaçar” qualquer um com o “dia da prestação de contas”, como se isso coubesse a nós.

No texto Profecia, o bispo Edir Macedo não falou mal de outras igrejas, mas de uma determinada doutrina que tem devastado muitas vidas e atrasado tantas outras, independente de denominação.

Sou grata a Deus pela IURD. Nasci em uma igreja evangélica, onde tive formação cristã tradicional. Fiz gincana bíblica, sei versículos de cor, encontro qualquer livro na Bíblia em segundos, mas isso nunca me adiantou em nada, por isso, saí dela aos 12 anos. Passei a frequentar outra igreja, que tinha a postura de profetizar. Vi o que isso causa na vida das pessoas. Pelos frutos conhecemos a árvore, e os frutos nos mostram que isso não procede de Deus.

Aos 16 anos, voltei para a primeira igreja, onde nasci. Saí aos 20, destruída. Conheci a Deus, de verdade, na IURD. Por isso, digo: nunca fui tão estimulada a ler, entender e colocar a Bíblia em prática quanto na IURD. Tenho irmãos em outras denominações e sei do que estou falando. Não quero desrespeitar ninguém, mas a verdade é que muitas pessoas acabam perdendo o foco e vivendo uma religiosidade em qualquer denominação.

Ontem mesmo conversei com uma amiga que tentava me convencer de que era errado orar exprimindo certeza de algo que eu queria. Mas, como assim? Se Paulo diz que a fé é a certeza de coisas que se esperam e convicção de fatos que não se vêem? Ela falou que teria de saber primeiro qual era a vontade de Deus a respeito (disse isso para embasar sua crença de que nem todas as doenças são para cura). Então, eu falei que na Bíblia estava descrita a vontade de Deus para absolutamente tudo. É nossa regra de fé para qualquer circunstância.

Essa moça também cresceu em igreja evangélica e tem compromissos com a equipe de louvor de sua congregação. Fiquei estarrecida ao ver como essas coisas de profecias e revelações acabam engessando os crentes, fazendo com que a Bíblia não seja mais suficiente para eles. Eles têm a “necessidade” de outros mediadores entre Deus e os homens. Isso cria cristãos fracos, inseguros, inconstantes, infantis e derrotados, que não admitem possuir alguma responsabilidade a cumprir para que a vontade de Deus se manifeste.

Pagar o preço? De modo algum. É mais cômodo e fácil sentar e deixar o barco correndo à solta, buscando respostas em profecias.

A solução é simples: independente da denominação, o cristão deve buscar intimidade com Deus, através da leitura bíblica, da oração e busca do Espírito Santo. Além de manter uma vida reta diante de Deus, condizente com o que Ele determinou em Sua Palavra.

Infelizmente, muita gente prefere ficar agarrada ao que acreditou a vida inteira, ao invés de ouvir a Palavra de Deus, sem intermediários.

É assim que o diabo tenta atravancar o crescimento dos cristãos: pelo engano.

Não existe revelação maior do que a Palavra de Deus. E ela é suficiente.

Na fé.

Vanessa Lampert

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 1.501 outros seguidores