Igreja Universal abre as portas novamente na Angola

iurd-angolaOs cultos da Igreja Universal do Reino de Deus voltaram a ser liberados na Angola, desde o início do ano as igrejas precisaram ser fechadas por determinação do governo que investigava a morte de 16 pessoas durante o culto da virada de ano promovido pela denominação.

Durante este tempo, os fiéis se revezavam para orar em volta do templo, clamando a Deus para que interferisse na decisão.

No último domingo (31), dia de Páscoa, os mais de 250 mil fiéis da Igreja Universal voltaram a entrar nos templos espalhados pelo país para cultuar a Deus e celebrar a ressurreição do Senhor Jesus.

O responsável pelo Cenáculo do Espírito Santo em Alvalade, em Luanda, bispo Augusto Dias, comentou a reabertura da igreja e disse que mais de 4 mil pessoas estiveram presentes para celebrar o fim da proibição dos cultos.

“As palmas foram um sinal de agradecimento ao Senhor Jesus, por não ter abandonado o seu povo no momento de turbulência que a Igreja viveu, durante os dias em que esteve interditada”.

Além das orações em volta dos templos, nesses dois meses de portas fechadas os membros da IURD usaram a internet para fazer uma corrente de oração para que a obra de Deus não parasse na Angola.
Agora sim, o povo Angolano pode dizer com alegria e jubilo as mesmas palavras do Rei Davi:

“Alegrei-me quando me disseram: Vamos á casa do SENHOR.” (Salmos 122:1)

Igreja Universal batiza 17 mil pessoas na Angola

A Igreja Universal do Reino de Deus realizou um megabatismo na Angola batizando 17 mil pessoas. O evento aconteceu recentemente na praia do Morro dos Veados, na capital Luanda.

Na ocasião, o bispo Augusto Dias, responsável pelo trabalho da Igreja Universal no país, falou sobre a importância do ato: “Nós estamos aqui para sepultar o velho homem. Nesta tarde, vai se iniciar uma nova história para as suas vidas, de forma individual. Não existe pregação do Evangelho sem o batismo. Ele é um ato de fé, para quem assume o Senhor Jesus Cristo publicamente.”

Além da necessidade do batismo nas águas, o bispo ressaltou também a importância do Espírito Santo, já que a IURD estava no propósito dos 21 dias do Jejum de Daniel. Ainda sobre esse tema o o bispo fez o seguinte comentário: “O fato de a pessoa ser batizada, quer seja nas águas, quer seja com o Espírito Santo, não a isenta de ter problemas. Porém, quando a pessoa recebe o Espírito Santo, ela passa a ter força dentro de si, passa a encarar os problemas de maneira completamente diferente. Vocês sabem por que muitos entram em desespero? Porque não têm em quem confiar. O cristão batizado com o Espírito Santo pode até passar por situações difíceis, mas sabe que Deus vai livrá-lo”, completou.

A Igreja Universal do Reino de Deus realizou um megabatismo na Angola batizando 17 mil pessoas. O evento aconteceu recentemente na praia do Morro dos Veados, na capital Luanda.

Na ocasião, o bispo Augusto Dias, responsável pelo trabalho da Igreja Universal no país, falou sobre a importância do ato: “Nós estamos aqui para sepultar o velho homem. Nesta tarde, vai se iniciar uma nova história para as suas vidas, de forma individual. Não existe pregação do Evangelho sem o batismo. Ele é um ato de fé, para quem assume o Senhor Jesus Cristo publicamente.”

Além da necessidade do batismo nas águas, o bispo ressaltou também a importância do Espírito Santo, já que a IURD está no propósito dos 21 dias do Jejum de Daniel. Ainda sobre esse tema o o bispo fez o seguinte comentário: “O fato de a pessoa ser batizada, quer seja nas águas, quer seja com o Espírito Santo, não a isenta de ter problemas. Porém, quando a pessoa recebe o Espírito Santo, ela passa a ter força dentro de si, passa a encarar os problemas de maneira completamente diferente. Vocês sabem por que muitos entram em desespero? Porque não têm em quem confiar. O cristão batizado com o Espírito Santo pode até passar por situações difíceis, mas sabe que Deus vai livrá-lo”, completou.

Governadores da Angola participam de inauguração da Igreja Universal – IURD

Há 19 anos em Angola e com templos espalhados em mais de 18 províncias, a Igreja Universal do Reino de Deus promove transformação espiritual e social na vida das pessoas do país. E para comprovar essa expansão foram inaugurados recentemente dois novos Cenáculos pelo bispo Augusto Dias, responsável pelo trabalho evangelístico em Angola: um na província de Huila e outro na cidade de Namibe.

Cerca de treze mil pessoas compareceram às inaugurações e houve a participação dos governadores provinciais Isaac Maria dos Anjos, de Huila, e Cândida Celeste, do Namibe, que agradeceu ao convite endereçado pela direção da Igreja, garantindo total apoio institucional aos trabalhos da IURD.

Durante as inaugurações o bispo fez orações pelos participantes e autoridades, consagrou os templos e falou sobre a importância do trabalho que, além de transmitir os ideais espirituais, desperta os valores morais e cívicos e assim
novos comportamentos e atitudes.

Arquitetura moderna
A construção do Cenáculo do Espírito Santo em Huila durou 2 anos, tem uma estrutura de arquitetura moderna, com capacidade para duas mil pessoas sentadas, possui um estacionamento com capacidade para 110 carros, salas para Escola Bíblica Infanto-juvenil, um batistério, salas de reuniões e ocupa uma superfície de 2,5 mil metros quadrados.

Em Namibe, a construção demorou um ano para ser concluída e tem capacidade para comportar 700 pessoas sentadas, além de duas salas para a EBI, uma sala de atendimento e um escritório.

MILAGRE NA IURD – Não podia andar e foi curada

IGREJA UNIVERSAL – ONDE O MILAGRE É COISA NATURAL

Cura e Milagres na Igreja Universal da África

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 1.681 outros seguidores